Skip to main content
  • Cruzeiro no lago Lewis and Clark em Yankton, Dakota do Sul
    Ver mais

    Muita história e paisagens incríveis em Vermillion

  • A escultura Dignity of Earth & Sky em Chamberlain, Dakota do Sul
    Ver mais

    Mergulhando nas tradições nativas americanas em Chamberlain

  • O South Dakota State Capitol Building, em Pierre
    Ver mais

    Pierre e Fort Pierre: beleza da capital do estado e cultura de caubóis

  • Posando com um campo de girassóis na Dakota do Sul
    Ver mais

    A caminho de Eagle Butte, a reflexão de uma herança histórica

  • O Sitting Bull Monument, voltado ao rio Missouri, perto de Mobridge, Dakota do Sul
    Ver mais

    Cultura nativa americana em Mobridge

Dança tradicional em um powwow na Dakota do Sul
Ver mais

Centro da Dakota do Sul: siga os passos dos nativos americanos e dos exploradores

Por Christi Womack

  • Distância da rota:
    860 km
  • Tempo recomendado:
    5 dias

Descubra as fascinantes culturas dos nativos americanos e dos caubóis, siga a rota da lendária expedição e observe paisagens estonteantes em uma viagem de carro pela região central da Dakota do Sul.

Pradarias repletas com girassóis radiantes estão entre as vistas deslumbrantes que você verá na região central de Dakota do Sul enquanto cruza o poderoso rio Missouri, um dos mais longos da América do Norte. Siga por partes da Oyate Trail e da Native American National & State Scenic Byway, aprendendo sobre as ricas culturas das tribos de Yankton, Crow Creek, Lower Brule, do rio Cheyenne e dos Standing Rock Sioux. Trace a rota que os exploradores Meriwether Lewis e William Clark fizeram em uma expedição no início do século XIX. Após pousar no Aeroporto Regional de Sioux Falls (FSD) por uma conexão de um aeroporto internacional, alugue um carro e comece sua viagem do sul ao norte pela região central da Dakota do Sul.

01
Cruzeiro no lago Lewis and Clark em Yankton, Dakota do Sul
Ver mais

Muita história e paisagens incríveis em Vermillion

Saindo das Sioux Falls, dirija ao sul pela Interstate 29 por cerca de uma hora para começar sua jornada em Vermillion, que fica perto da fronteira sul da Dakota do Sul com Nebraska. Ao norte da cidade, explore o Spirit Mound Historic Prairie, um lugar que as tribos nativas americanas locais reverenciavam e um destaque ao longo da Lewis & Clark National Historic Trail. Os exploradores ficavam no topo da colina que se destaca na paisagem, onde flores campestres ainda nascem e pássaros e animais brincam. Dirija a noroeste por Yankton, parando no Dakota Territorial Museum (Museu do Território Dakota) para ver exposições permanentes e itinerantes sobre a história da área, desde as tradições dos Yankton Sioux até as trilhas passadas pelos exploradores Lewis e Clark na chegada dos colonos pioneiros. Compre um almoço de piquenique e curta o tempo observando as paisagens do rio Missouri na Lewis & Clark Recreation Area, um parque estadual abrangente com trilhas, rampas para barco e uma pousada na margem norte do lago Lewis and Clark. No caminho a Chamberlain, passe a noite em uma aconchegante pousada em Pickstown, local do popular Fort Randall Casino Powwow, um evento anual que ocorre em junho.

142 km
1,5 hora de carro
02
A escultura Dignity of Earth & Sky em Chamberlain, Dakota do Sul
Ver mais

Mergulhando nas tradições nativas americanas em Chamberlain

Entrando em Chamberlain, faça uma parada no Lewis and Clark Interpretive Center, um museu dentro de uma parada na Interstate 90. Suba a bordo de uma réplica do barco de quilhas dos exploradores, com 16,7 m, depois caminhe pelas trilhas próximas aos belos arredores e observe as vistas voltadas para o rio Missouri. Nas falésias, não deixe de conhecer a Dignity of Earth & Sky, uma escultura de aço inoxidável com 15,2 m de uma mulher nativa americana que honra as culturas Lakota e Dakota. Ela é iluminada de forma tão forte à noite que os viajantes podem vê-la da interestadual. Saiba mais sobre a história e as tradições dos índios americanos das planícies do norte no Akta Lakota Museum & Cultural Center no campus da St. Joseph’s Indian School. Veja artefatos e exibições educativas lá dentro, depois, aventure-se até o sereno Medicine Wheel Garden, com vistas incríveis do rio Missouri. Antes de ir embora, visite a Collector’s Gallery para ver e comprar artes, roupas, joias e outros itens tradicionais feitos por artistas locais. Comece dirigindo até Pierre, a capital do estado de Dakota do Sul. Após cerca de uma hora, pare para descansar e relaxar andando de barco e bicicleta e caminhando pela West Bend State Recreation Area, uma parada da trilha Lewis and Clark. Em seguida: termine a viagem até Pierre para passar a noite.

63 km
0,75 hora de carro
03
O South Dakota State Capitol Building, em Pierre
Ver mais

Pierre e Fort Pierre: beleza da capital do estado e cultura de caubóis

Para a sua primeira parada em Pierre, vá ao South Dakota State Capitol Building, um marco de 1910 que está aberto para excursões todos os dias do ano. Admire os murais, pinturas e esculturas no local. Uma cúpula de cobre coroa o prédio neoclássico de quatro andares, muito do qual foi construído com granito nativo e calcário de Bedford. Perto das margens do lago Capitol, veja as estátuas memoriais aos veteranos e socorristas da guerra. Exposições no South Dakota Cultural Heritage Center, uma instituição Afiliada do Smithsonian operada pela South Dakota State Historical Society, também oferecem vislumbres da história do estado. A coleção com 33.000 peças inclui itens como diversos objetos Lakota, itens militares, brinquedos e colchas. Suba as escadas até a Observatory Gallery para ver vistas abrangentes do State Capitol Building e do rio Missouri. Do outro lado do rio, visite o antigo posto militar de Fort Pierre, agora uma divertida cidade ribeirinha orgulhosa de seu passado do Velho Oeste. Vá ao Fischers Lilly Park, onde o rio Bad encontra o rio Missouri. Foi aqui que Lewis e Clark quase tiveram uma batalha com a Nação Lakota em 1804. Vá aos leilões de gado às sextas à noite no Fort Pierre Livestock Auction Barn, fundado em 1947. O rodeio é o esporte oficial do estado da Dakota do Sul. Você vai adorar fazer uma parada no Casey Tibbs Rodeo Center, um museu especializado em tudo sobre os caubóis, incluindo lendários eventos de rodeio estilo Bull-a-Rama. Curta um jantar no Drifters Bar & Grille, com vistas do rio Missouri e de Pierre. Após uma boa noite de sono, comece seu dia com um farto café da manhã no Chuckwagon Café.

145 km
1,5 hora de carro
04
Posando com um campo de girassóis na Dakota do Sul
Ver mais

A caminho de Eagle Butte, a reflexão de uma herança histórica

Os viajantes verão girassóis em toda a Dakota do Sul, já que o estado é o maior produtor dessas flores nos EUA, e eles são especialmente abundantes ao longo da Highway 34, a oeste de Pierre, de agosto ao início de setembro. Vale a pena desviar o caminho até Eagle Butte para desfrutar desses campos amarelos e parar pela estrada para capturar essa memória com sua câmera. Ao chegar à cidadezinha de Eagle Butte, sede da Tribo Sioux do rio Cheyenne, prove o café da manhã ou o almoço e beba um latte no Keya Café, operado pelo Cheyenne River Youth Project. No Lakota Cultural Center, veja artefatos como fotografias, contas e colchas. Uma série de murais feitos por artistas Lakota representam cenas como a Batalha do Joelho Machucado, o nascer de um novo dia e a mudança de um acampamento. Artes e artesanato feitos localmente são vendidos na loja de lembranças. Dirija cerca de uma hora e meia a nordeste pela Cheyenne River Reservation para curtir vistas cênicas de fazendas e colinas cobertas de gramas. Pare no Grand River Casino & Resort pouco antes de cruzar o rio Missouri em direção à sua próxima parada.

132 km
1,5 hora de carro
05
O Sitting Bull Monument, voltado ao rio Missouri, perto de Mobridge, Dakota do Sul
Ver mais

Cultura nativa americana em Mobridge

Tire um tempo para relaxar e se divertir na West Whitlock Recreation Area, onde os povos Arikara e Mandan já acamparam. Hoje, as pessoas ainda vão até lá para acampar, pescar no rio Missouri e visitar a réplica de uma cabana que existiu na era de Lewis e Clark. Continue até Mobridge, o lugar ideal para terminar sua viagem de carro pela região central de Dakota do Sul. No Mobridge Auditorium, faça uma excursão audioguiada por dez murais de Oscar Howe, artista Crow Creek Sioux; depois, pare no escritório da Chamber of Commerce (Câmara do Comércio) para fazer o check-in da excursão e conhecer o local. Nas terras da Nação Sioux Standing Rock, a três quilômetros a sudoeste de Mobridge, visite um parque voltado ao rio Missouri para ver dois monumentos importantes. Um é o Sitting Bull, um líder espiritual Hunkpapa Lakota do século XIX; saiba mais sobre sua vida e seu legado no Klein Museum que fica na cidade. O outro monumento é de Sacagawea, uma adolescente Shoshone que ajudou a guiar Lewis e Clark em sua expedição. Admirar esses dois monumentos impressionantes é uma forma contemplativa de encerrar sua excursão cultural. Para voltar para casa, dirija pouco menos de duas horas até os aeroportos em Aberdeen (ABR) ou Pierre (PIR), ambos na Dakota do Sul, ou até Bismarck (BIS), na Dakota do Norte.

Mais informações